royalpag

Logo royalpag+
Projeto apresenta processos criativos de artistas visuais cearenses
Vida & Arte

Projeto apresenta processos criativos de artistas visuais cearenses

Projeto "Diálogos Visuais" convida público para bate-papo descontraído sobre arte, imagens e processos criativos de artistas cearenses nas redes do Centro Cultural Belchior
Edição Impressa
Tipo Notícia Por
 Alexsandra Ribeiro e Selo Coletivo participam do projeto Diálogos Visuais (Foto: Divulgação)
Foto: Divulgação Alexsandra Ribeiro e Selo Coletivo participam do projeto Diálogos Visuais

O que o cenário das artes visuais no Ceará tem revelado? Como os artistas produzem suas obras? Essas perguntas são pontos de partida do projeto "Diálogos Visuais - Artes e Artistas do Ceará", idealizado pela pesquisadora Flávia Muluc e pela artista visual Simone Barreto. A iniciativa pretende criar um ambiente descontraído e interativo, de modo a aproximar artistas e participantes, sensibilizando novos públicos. Ao todo, serão quatro dias de conversas virtuais. A primeira rodada de diálogos ocorre hoje, às 17 horas, com a presença da artista recifense Alexsandra Ribeiro e da dupla Selo Coletivo, composta por Ceci Shiki e Bruna Beserra.

Alexsandra, ou Dinha, é grafiteira e retrata em seus trabalhos a luta da mulher negra. Além do grafite, ela desenvolve técnicas de ilustração em aquarela, artigos decorativos e traz em sua trajetória participações em eventos de várias regiões do Brasil — e até mesmo fora dele. "Meu trabalho é relacionado à questão racial e à representatividade. Tenho pintado mulheres negras para que elas possam se ver e se reconhecer por meio da minha arte", elabora. A artista também recebeu da Câmara Municipal da Cidade de Fortaleza uma homenagem em reconhecimento de seu trabalho como mulher e grafiteira e teve a oportunidade de realizar exposições na Universidade do Arizona, nos Estados Unidos.

O Selo Coletivo é uma dupla composta por artistas que realizam intervenções, projetos e exposições em que mesclam referências e propõem novos elos entre imagem e palavra. Atualmente, a dupla segue na construção de uma poética materializada no lambe-lambe (colagem artística), estêncil e pintura; além de brincar com a costura de novos caminhos que perpassam a cidade e a arte urbana. "O nosso processo criativo vem de vários lugares, não apenas de coisas que nos inspiram, mas de frustrações e outros sentimentos", afirma Ceci Shiki, integrante da dupla. Sobre o projeto Diálogos Visuais, ela comenta que a iniciativa é importante para que artistas olhem para suas trajetórias e a valorizem, apesar do contexto de comercialização da arte.

A ideia do projeto nasceu inspirada na pesquisa de mestrado de Flávia Muluc, que destrinchou a obra do artista visual cearense Hélio Rôla. Para Flávia, o projeto lança mão de diálogos que vão além da arte em si e alcançam seus processos de criação. "Normalmente, vemos as obras finalizadas. Desse desejo de mostrar mais, surge o projeto Diálogos Visuais, que tem como objetivo compartilhar esse universo dos artistas cearenses e suas obras. A ideia é revelar o truque sem perder a magia", diz Flávia. Já a artista visual Simone Barreto explica que a escolha dos artistas convidados é um esforço para manter a diversidade de abordagens e pontos de vista artísticos. "Para essa primeira edição, buscamos convidar artistas com diferentes reflexões, proposições e fazeres, trazendo a diferença como elemento fundamental para criar situações de diálogo nas artes visuais", conta.

Seguindo o cronograma de conversas, no dia 13 de maio, Luci Sacoleira, artista cearense, é a segunda convidada. Luci tem formação em Arquitetura e Urbanismo e atua como artista visual desde 2011. No dia 20, o projeto conta com a participação de Linga Acácio, artista cearense e pesquisadora que produz conhecimentos sob diversos formatos.

Para encerrar o ciclo de diálogos, dia 27, Garcia será o último artista convidado. "Foi em 1964, ainda garoto, quando conheci o Chico da Silva ou Chico Pintor como era mais conhecido na época, no bairro do Pirambu. Eu ainda era garoto e morava na outra rua,com o quintal coincidente ao dele, e toda vez que eu vinha do colégio, passava por lá para apreciar suas pinturas, que eu achava lindas e com um certo mistério. E aí, um dia, Chico me perguntou se eu queria aprender e eu disse que sim", reconta Garcia, que integrou a chamada Escola do Pirambu.

As 10 edições do projeto contarão com tradução em libras. Este pilar também é previsto no tocante à disponibilização integral do conteúdo em plataformas digitais na internet, como estratégia para difusão e preservação da memória. Diálogos Visuais é um convite para deixar a arte cearense revelar caminhos, uma oportunidade para a elaboração de olhares conjuntos, que miram em diversas direções.

 

Diálogos Visuais

Quando: 6 de abril, às 17 horas com Alexsandra Ribeiro Selo Coletivo

Onde: Canal do Centro Cultural Belchior no YouTube

Mais info: @dialogosvisuais no Instagram

Datas do próximos  eventos: 13/5 com Luci Sacoleira, 20/5 com Linga Acácio e 

27/5 com Garcia

 

O que você achou desse conteúdo?
royalpag Mapa do site

1234