777luckgame

777luckgame - Festival on-line disponibiliza filmes clássicos e contemporâneos da Itália

16º Festival de Cinema Italiano aposta em evento híbrido, com porção virtual disponibilizando 32 filmes do país para todo o Brasil

Após apostar na realização inédita de uma edição on-line no ano passado por conta do contexto da pandemia, o Festival de Cinema Italiano - tradicional evento realizado em São Paulo - optou por seguir dando a oportunidade ao público de todo o País de assistir aos filmes neste ano. Em formato híbrido, a 16ª edição do festival abre nesta sexta, 5, tanto na capital paulista quanto no ambiente virtual. No site, serão disponibilizados 32 longas italianos divididos nas mostras ContemporâneaeRetrospectiva, que terá a temática "As mais belas trilhas sonoras do cinema italiano". As produções ficarão no ar gratuitamente por um mês, até 5 de dezembro.

A mostra retrospectiva, totalmente virtual, traz filmes com trilhas de mestres da música como Ennio MorriconeeNino Rota, selecionados a partir de arquivos da Cineteca Nacional Italiana. Além das trilhas sonoras marcantes, as produções escolhidas também celebram as filmografias de importantes cineastas da Itália, como Lina Wertmüller - dois filmes da pioneira, "Mimi, O Metalúrgico" e "Amor e Anarquia", estão na lista -, Federico Fellini ("Os Palhaços"), Sergio Leone ("Era uma vez na América") e Dario Argento ("O Pássaro das Plumas de Cristal). Com o destaque da edição dado à retrospectiva, o Vida&Arte traz seleção de filmes da mostra para ajudar na escolha. Boa sessão!

Seja assinante 777luckgame+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

Leia também | Confira matérias e críticas sobre audiovisual na coluna Cinema&Séries, com João Gabriel Tréz

O Pássaro das Plumas de Cristal, de Dario Argento (1970)

Com música de Ennio Morricone, o longa pertence a um gênero tipicamente italiano, chamado de giallo, que mistura elementos dos gêneros policial e suspense, e tem estilo próprio demarcado. A trama acompanha um escritor dos EUA que vive em Roma e testemunha uma tentativa de assassinato, decidindo investigar o caso por conta própria.

Amor e Anarquia, de Lina Wertmüller (1973)

Lina Wertmüller é um dos grandes nomes não só do cinema italiano, mas mundial, sendo a primeira mulher indicada ao Oscar de Melhor Direção em 1977, por "Pasqualino Sete Belezas". A comédia política "Amor e Anarquia", com trilha de Nino Rota, acompanha um fazendeiro e uma prostituta anarquista que se unem para planejar o assassinato do ditador Mussolini.

O médico e o charlatão, de Mario Monicelli (1957)

Com nomes como Vittorio de Sica, Marcello Mastroiani e Alberto Sordi no elenco e música de Nino Rota, a comédia conta a história de um jovem médico que é mandado para a vila de Pianetta, onde precisa competir com um charlatão que atua na região.

O Anônimo Veneziano, de Enrico Maria Salerno (1970)

O drama romântico traz interesse especial para o público cearense, uma vez que é protagonizado pela atriz Florinda Bolkan, nascida em Uruburetama e que se tornou um dos principais nomes do cinema italiano nos anos 1970. O filme, com trilha de Stelvio Cipriani, mostra o reencontro entre o músico Enrico e sua ex-mulher Valéria.

Mostra Contemporânea

Os 16 longas escolhidos pela dupla de curadores Erica Bernardini e Nico Rossini foram escolhidos a partir de diferentes critérios, como a passagem das obras por festivais importantes da Itália - como os de Veneza e de Roma - e a dificuldade de certas obras chegarem aos circuitos comerciais das cidades brasileiras.

A mostra traz nomes conhecidos do cinema italiano, como o diretor Pupi Avati e os atores Toni Servillo e Margherita Buy, mas também novatos na cinematografia do país europeu, como os diretores Francesco Lettieri e Stefano Sardo. O filme mais visto pelo público entre os contemporâneos receberá o Prêmio Pirelli.

-Deixe-me Ir, de Stefano Mordini
-A Terra dos Filhos, de Claudio Cupellini
-Blackout Love, de Francesca Marino
-Com todo meu Coração, de Vincenzo Salemm
-Uma Relação, de Stefano Sardo
-As Coisas que Restam, de Giorgio Verdelli
-Como um Gato na Marginal - Retorno a Coccia di Morto, de Riccardo Milani
-Todos Por 1 - 1 Por Todos, de Giovanni Veronesi
-Ela Ainda Fala Comigo, de Pupi Avati
-O Grande Silêncio, de Alessandro Gassmann
-Ar Parado, de Leonardo Di Costanzo
-Governança, de Michael Zampino
-Bem-Vindo a Veneza, de Andrea Segre
-Morrison Café, de Federico Zampaglione
-Os Nossos Fantasmas, de Alessandro Capitani

16º Festival de Cinema Italiano

Quando: 5 de novembro a 5 de dezembro
Onde:www.festivalcinemaitaliano.com
Gratuito
Mais info:@festivalcinemait

Tenha acesso a todos os colunistas. Assine 777luckgame+ clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

16º Festival do Cinema Italianocinema italianofestival online

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar
777luckgame Mapa do site