Mega roleta

Mega roleta - Gwyneth Paltrow recebe US$1 de indenização após vencer julgamento

A atriz Gwyneth Paltrow receberá uma indenização simbólica de US$ 1, algo em torno de R$ 5, após vencer julgamento

Após sete anos, o júri declarou que a atriz Gwyneth Paltrow não é a responsável por um acidente de esqui ocorrido em 2016. Ela agora receberá US$ 1 (algo em torno de R$ 5) como indenização simbólica pelas acusações movidas pelo médico aposentado Terry Sanderson.

Terry acusava a atriz de ter o atingido enquanto esquiava no complexo hoteleiro Deer Valley, em Utah, nos EUA, e também que teria lhe causado danos cerebrais e fraturas nas costelas. A artista sempre negou a acusação e compareceu a todos os dias do julgamento que durou uma semana.

"Alguém está fazendo algo pervertido?"

"Quando ele escorregou entre meus esquis, congelei completamente", comentou Paltrow, admitindo que, "por um momento", acreditou estar sofrendo assédio sexual. "Dois esquis entraram entre os meus esquis, forçando-me a abrir as pernas, e então havia um corpo me pressionando, e esse senhor fazia um grunhido muito estranho", descreveu a atriz de 50 anos, vencedora do Oscar por "Shakespeare apaixonado".

Seja assinante Mega roleta+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Meu cérebro estava tentando entender o que estava acontecendo. Pensei: será que alguém está fazendo algo pervertido? Foi muito, muito estranho", afirmou a atriz. "Eu me senti violada. Fiquei chateada", disse ela no julgamento.

A atriz contou ainda que saiu do local após o acidente, mas alegou ter cumprido com as orientações do instrutor de esqui. Ele teria preenchido um relatório certificando-se de que Terry Sanderson estava bem, e liberando a artista para ir embora.

"Perigosa e descuidada"

Em suas declarações iniciais, a defesa de Sanderson afirmou que o incidente lhe causou cerca de US$ 3,3 milhões (cerca de R$17 milhões) em danos. Lawrence D. Buhler, representante de Sanderson, disse que Paltrow estava esquiando de maneira "perigosa" e "descuidada", causando em seu cliente "quatro costelas quebradas e danos cerebrais permanentes".

Gwyneth Paltrow negou repetidas vezes todas as acusações, e reconheceu não ter perguntado sobre a saúde de Terry após o acidente. “Acho que você tem que entender que quando você é vítima de um acidente não necessariamente está pensando em quem o causou", disse ela, ao ser questionada pela advogada de Sanderson.

O advogado da estrela de Hollywood, Steven Owens, disse que Sanderson estava obcecado pelo caso, que seria baseado em uma “alegação infundada”. Nesta semana, o tribunal ouvirá o testemunho de Sanderson, bem como dos filhos, do marido e do instrutor de esqui de Paltrow.

Podcast Vida&Arte

O podcast Vida&Arte é destinado a falar sobre temas de cultura. O conteúdo está disponível nas plataformas Spotify, Deezer, iTunes, Google Podcasts e Spreaker. Confira o podcast clicando aqui

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

vidaeartegwyneth paltrowjulgamentoum dolarteddy sanderson

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar
Mega roleta Mapa do site